logocf.png

Siga nossas redes sociais

      
Tempo

Chuvas intensas e vendavais mantêm a Defesa Civil em alerta em SC

31 Maio 2019 13:49:00

Em São Francisco do Sul, mesmo com volume considerável de chuva, apenas um local no bairro Paulas teve registro de alagamento

Foto: Divulgação

O Centro Integrado de Gestão de Riscos e Desastres (Cigerd), da Defesa Civil de Santa Catarina, monitora todas as ocorrências de enxurradas, chuvas e ventos nas regiões afetadas pelas condições climáticas desde essa quinta-feira, 30. Nesse período, equipes da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Corpo de Bombeiros Militar e Celesc atuam em situações específicas para remoção de bloqueios de vias públicas e de galhos sobre a rede elétrica.

Desde a manhã desta sexta-feira, 31, o ponto principal ponto de atenção é o Vale do Itajaí, devido à elevação dos rios. As barragens da Defesa Civil estão em operação. A barragem sul (Ituporanga) está com as cinco comportas fechadas e 43% do lago está ocupado. A barragem oeste (Taió), também está com as sete comportas fechadas e com o reservatório em 30% da capacidade. A barragem norte (José Boiteux) não foi acionada.

A Defesa Civil também monitora áreas com risco de deslizamento em Rancho Queimado.

Aulas suspensas pelo Estado

A Secretaria de Estado da Educação comunicou que 32 escolas estaduais estão com as aulas suspensas nesta sexta-feira, 3. Somadas, elas têm aproximadamente 12,5 mil alunos. O retorno das aulas está previsto para segunda-feira, 3. A reposição das aulas está garantida para cumprimento dos 200 dias letivos previstos em lei.

As suspensões atingem escolas das regionais de Brusque (duas escolas), Campos Novos (duas), Chapecó (uma), Grande Florianópolis (duas), Ituporanga (uma), Joaçaba (uma), Lages (uma), Laguna (14), Tubarão (seis) e Xanxerê (dois).

Trabalhos preventivos evitam alagamentos em São Francisco do Sul

O trabalho preventivo feito em parceria pela Defesa Civil, Secretaria de Obras, Secretarias de Meio Ambiente e de Infraestrutura e Urbanismo (Seinfra) surtiu resultado positivo. Em 24 horas, já foram registrados 100 mm de chuva. Nas últimas semanas, uma força-tarefa dos setores de obras da cidade intensificaram os trabalhos de abertura de novas valas, limpeza de valas de drenagem e de bocas de lobo. 

"Esses trabalhos estavam no cronograma de prevenção da Defesa Civil tendo em vista o grande volume de chuva previsto para maio. Foi um trabalho fundamental para que a cidade não tenha registrado grandes pontos de alagamento. Com o volume de chuva das últimas horas, em outras épocas, certamente estaríamos em uma situação mais vulnerável", explica o diretor da Defesa Civil, Geovan Baumgratz.

No Paulas, uma equipe da Prefeitura já esteve na Rua Francisco Mascarenhas para averiguar uma situação de acúmulo de água nas laterais da pista e verificou que o bueiro foi rompido com a força da água. O conserto será colocado no cronograma da Secretaria de Obras. 

Com relação ao abastecimento de água, a Águas de São Francisco do Sul informa que segue normalizado. A Defesa Civil alerta que está previsto mais chuva para as próximas horas. Em caso de emergência, ligue 199 ou 193.




15372217003380.png

Correio Francisquense - Fone: (47) 9172-6939
Rua: Marcílio Dias, 425 sala 09 São Francisco do Sul - Santa Catarina

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados