logocf.png

Siga nossas redes sociais

      
Eventos

Equipe Vento Sul participa do Desafio Solar Brasil 2020 em São Francisco do Sul

Pela manhã, a equipe se reuniu na sede, ao lado da Imprensa Universitária, para transportar o equipamento e embarcar no ônibus que a levará até a cidade de destino. A primeira prova ocorre no dia 29, um dia depois das vistorias. Serão realizadas, pelo menos, uma prova curta, de até 5 milhas, e uma longa, de 20 milhas ou mais. Além destas, também serão avaliadas a manobrabilidade e velocidade de cada barco e equipe. As provas e os trajetos são definidos próximos ao dia de realização da competição, em função das condições climáticas previstas.

A equipe de competição Vento Sul, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), viaja nesta segunda, dia 27, para a cidade de São Francisco do Sul para participar do Desafio Solar Brasil (DSB) 2020. O Desafio é uma competição nacional entre barcos movidos por fontes alternativas de energia, realizada anualmente desde 2009. A Vento Sul participa da competição desde sua primeira edição, quando saiu campeã com a embarcação que leva o nome da equipe.

Alícia Nishiyama, piloto do monocasco Garapuvu e graduanda do curso de Engenharia Elétrica, conduzirá o barco pela quarta vez. "E vamos ser campeões de novo, para comemorar os 10 anos da equipe", comenta a nauta. Desde 2016, seu primeiro ano na equipe, a estudante tem comandado o monocasco para a Vento Sul. 

Para ser piloto, o participante interessado precisa estar habilitado com a carteira de Arrais Amador, que comprova a capacitação e autoriza a condução de embarcações nos limites da navegação interior, com exceção de moto aquática. A equipe Vento Sul também leva em consideração um peso ideal exigido para a pilotagem de seus barcos, de 70 quilos. 

Para finalmente participarem da competição e serem devidamente pilotados, os barcos da Vento Sul passam por um longo processo, da construção à implementação da tecnologia de conversão de energia. Todas as etapas são desenvolvidas pela equipe multidisciplinar, com membros de diversos cursos da UFSC. 

Além do primeiro lugar no pódio, a equipe campeã do Desafio Solar Brasil também é pré-selecionada para uma competição mundial de barcos movidos por energia solar na Europa. "Mas a ida para o Mundial ainda depende de outras questões, como verba, transporte do barco?" explica Lael Barroso, estudante de Engenharia Eletrônica e gerente eletrônico do grupo. Até então, a equipe participou de três edições do mundial.


15372217003380.png

Correio Francisquense - Fone: (47) 9172-6939
Rua: Marcílio Dias, 425 sala 09 São Francisco do Sul - Santa Catarina

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados