Otimismo com ressalvas na iniciativa da ordem de serviço para a BR-280 nesta quarta-feira, dia 11

Governo do Estado lança licitação para concluir rodovia entre Joinville e Araquari, no Norte do Estado
10 de Abril de 2018
Homenagem cívica marca aniversário de 171 anos de São Francisco do Sul
15 de Abril de 2018

Presidente da Associação Empresarial de Araquari Eng. Alcidir Boaretto alerta para o uso do período pré-eleitoral na ordem de serviço para BR-280.

De acordo com presidente, a notícia é bem-vinda, mas sua preocupação é com o uso do início das obras da BR-280, anseio de toda região norte, no período pré-eleitoral para benefícios eleitorais. As reivindicações das associações empresarias de Araquari, São Francisco do Sul e todo estado, do poder público e da comunidade que convive com o trânsito perigoso, foram intensas nestes últimos anos, com diversos encontros, formação de grupos para discussões sobre a BR.

“Fizemos nossa parte, agora minha preocupação é com o uso eleitoreiro. Máquinas estarão na pista por um longo tempo, e pode de uma hora para outra a obra parar, sem aviso prévio, devido parcos recursos. São viaduto, marginais, rotatórias e ainda as indenizações, um custo alto, para apenas um investimento de R$ 22 milhões”, disse Boaretto.

Conforme assessorias da bancada parlamentar do estado, a ordens de serviço para BRs 280 e 470 serão assinadas nesta quarta-feira, dia 11, pelo novo ministro dos Transportes, Valter Cassimiro em Brasília.

Segundo deputado Jorginho Mello, presidente do Fórum Parlamentar Catarinense, os recursos foram garantidos após reunião do ministro com os deputados e senadores. “Exibimos em fotos e vídeos a situação das rodovias e agora conseguimos esta resposta para os catarinenses”, explicou.

O lote 1 da BR-280, entre São Francisco do Sul e Araquari, com 36 km de extensão, tem seu Km 1 na linha férrea junto com o Porto Público de São Francisco do Sul até o trevo de Jaraguá do Sul (corta BR 101). São mais de 20 mil veículos, entre caminhões e automóveis que circulam diariamente, sem contar o aumento de 100% na alta temporada.

O DNIT vai investir R$ 22 milhões no trecho e priorizará a construção de um viaduto nas proximidades do Instituto Federal Catarinense, na região de Araquari, e duplicação das vias laterais junto ao viaduto.

Os demais dois lotes da rodovia estão em obras.  O trecho da BR-101 até Guaramirim (lote 2.1) e o contorno de Jaraguá do Sul até Guaramirim (lote 2.2) estão recebendo a concretagem das vigas para construção de pontes e viadutos. Também continuam as obras do túnel e a terraplanagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *